Header Ads

O signo do zodíaco trará mais dor de cabeça para você

O signo do zodíaco trará mais dor de cabeça para você

Algumas combinações do zodíaco nem sempre conseguem se relacionar facilmente e tendem a construir relacionamentos conturbados e com pouca reciprocidade.

Confira o signo que trará mais dor de cabeça para você: 

Áries e Escorpião

Existe paixão e magnetismo, mas a relação entre estes signos é turbulenta e pode ser repleta de dramas insuportáveis, pois une duas personalidades muito intensas. Enquanto o ariano deseja controlar o outro para domar seu lado misterioso, o escorpiano terá que lidar com uma teimosia que o tira do sério.

Touro e Sagitário

Enquanto um deles prefere se manter estável e seguro, o outro anseia por liberdade e aventura. O taurino sempre tenta construir relações sólidas e se sentirá frustrado com a necessidade de movimento do sagitariano, que por sua vez pode se sentir obrigado a tomar responsabilidades que ele não deseja.

Gêmeos e Peixes

O geminiano é um signo que pode ser indeciso e descuidado, enquanto o pisciano é sensível e precisa de alguém que sempre cumpra as suas promessas – o que pode asfixiar o outro.

Leão e Virgem

O leonino valoriza a paixão e intensidade do relacionamento, enquanto o virginiano prioriza mais as ações práticas, como apoio, segurança e proteção. Eles podem até se interessar bastante, mas dificilmente conseguem dar ao outro o que ele quer e precisa.

Câncer e Aquário

Enquanto o canceriano foi feito para relacionamentos mais tradicionais e valoriza a conivência, o aquariano tem uma postura mais inovadora e precisa de bastante tempo para si mesmo. Além disso, as pessoas de Câncer costumam idealizar o seu futuro, um hábito que o aquariano não entende.

Libra e Capricórnio

Estes signos possuem sintonias diferentes na hora de comunicar seu amor e sentimentos. A seriedade e capacidade de enfrentar problemas do capricorniano bate de frente com a leveza e medo do confronte do libriano. Para eles é muito difícil superar os obstáculos e encontrar a felicidade.

Nenhum comentário