Header Ads

Crato promete plantar 10 árvores para cada uma que foi cortada



“Fomos obrigados”, afirmou o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Territorial, Brito Júnior, sobre corte e retirada de árvores plantadas de maneira irregular no município de Crato.

O secretário esclarece que a ação trata-se de uma norma técnica exigida pelo antigo Ministério da Integração Nacional (hoje, Ministério do Desenvolvimento Regional) e pela Caixa Econômica, a respeito do investimento de recursos federais para pavimentação asfáltica e calçamento nos bairros citados.

Para amenizar a situação, a Secretaria prometeu plantar outras 10 árvores para cada uma que foi retirada.

A ação da Prefeitura gerou desconforto e confusão entre moradores dos bairro São Miguel, Pinto Madeira e a chamada Comunidade do Gesso, que reclamaram da ação nas redes sociais.

Nenhum comentário