Header Ads

"Operação Labirinto" prende bandidos de facção criminosa que agia na Capital e no Sertão Central do Ceará


Um carro de luxo, R$ 25 mil em espécie, armas e munições, além de diversas prisões. Este foi o resultado da “Operação Labirinto” deflagrada pela Polícia Civil do Ceará nesta quinta-feira (4), em Fortaleza, além de Municípios do Sertão Central. Cerca de 200 agentes – entre delegados e inspetores – deram cumprimento a 133 mandados judiciais de prisão e de busca e apreensão.

As investigações policiais que desaguaram na “Operação Labirinto” visaram à desarticulação de um “braço” de uma facção criminosa que agia na Capital e nos Municípios de Quixeramobim, Milhã, Canindé, Baturité e Senador Pompeu. Para isso, a Polícia Judiciária contou com o apoio do Ministério Público Estadual (MPE) e da Justiça, que autorizou a quebra de sigilo telefônico dos “cabeças” da organização criminosa.

Nenhum comentário