Header Ads

Caririenses em dívida milionária com FIES vivem a angústia do desemprego



Segue até amanhã, 1º de julho, as inscrições para o Programa de Financiamento Estudantil (FIES), programa de financiamento para estudantes pagarem cursos de graduação em instituições privadas. No país, mais de 500 mil estudantes estão com parcelas atrasadas há mais de três meses. Na região do Cariri, o cenário de aflição entre universitários não é muito diferente.


Formada em Odontologia, Valéria M.*, 22, viu seu sonho de trabalhar em consultórios ser adiado pela recessão do mercado. Desempregada há mais de 6 meses e com um financiamento de R$ 134 mil para pagar a partir do ano que vem, vive a angústia de não conseguir quitar as parcelas necessárias.

A faculdade de Odontologia é uma das mais custosas na região do Cariri e teve um boom de procura nos últimos 8 anos. Quando se matriculou, a filha de mecânico pagava mensalidade de R$ 1.800 e, ao final do curso, custava R$ 2.600. Por vezes, ainda chegava a investir cerca R$ 2 mil em equipamentos e insumos necessários para algumas disciplinas.


“Fui ingênua”, afirma Valéria. “Quando comecei a faculdade, achava que sairia com um emprego de cara. Fiz cursos extras, fiz estágio, me preparei de toda forma. Mas eu nunca imaginaria que tudo poderia mudar assim, de repente. Muita coisa mudou de quatro anos para cá e o mercado hoje está saturado”, reflete.

Nenhum comentário