Header Ads

Com coronavírus, demanda por táxis cai 95% e por aplicativos, 80%



O isolamento social pelo qual passa grande parte da população de Fortaleza está fazendo com que a demanda por viagens de táxis e aplicativos de transporte caia vertiginosamente. Segundo o Sindicato dos Taxistas do Ceará (Sinditáxi), o número de chamados teve queda de até 95% nesta semana, enquanto, de acordo com a Associação de Motoristas de Aplicativos do Ceará, a redução para o segmento foi de cerca de 80%.

“Nossa categoria foi afetada pela pandemia, porque taxista está no grupo de risco por transportar pessoas em um ambiente pequeno e fechado. Isso acarretou em prejuízo financeiro enorme com as corridas, diminuindo em 95%. Os três polos principais de fontes para o taxista são aeroporto, rodoviária e rede hoteleira, e eles estão praticamente desertos”, explica Francisco Moura, presidente do Sinditáxi.

Nenhum comentário