Header Ads

9 de junho, Dia da Imunização

Em 9 de junho, o Brasil comemora o Dia da Imunização. É através dela que o país controla dezenas de doenças que poderiam custar a vida de milhões de brasileiros todos os anos. A pandemia de Covid-19 trouxe, mais que nunca, essa importância à tona.

De acordo com o Vacinômetro do Governo do Estado do Ceará, atualizado na última segunda-feira (7), já foram aplicadas 3.066.573 doses de vacinas contra a Covid-19 em todo o estado. Sendo 1.088.115 correspondentes à segunda dose.

As aplicações de vacinas, como a contra a Covid-19, por exemplo, têm contribuído para a queda vertiginosa no número de mortes registradas por doenças infecciosas. Mesmo aprovadas pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa), os imunizantes ainda são alvo de ataques movimentos negacionistas e antivacina.

O Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde, formulado em 1973, aplica as vacinas que são recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Todas consideradas seguras e eficazes, como as em uso contra a Covid-19 já autorizadas pelos cientistas da Anvisa. O objetivo do PNI é coordenar as ações de imunização.

De acordo com o DataSus, a proposta básica para o Programa foi aprovada em reunião realizada em Brasília, em 18 de setembro de 1973, presidida pelo então Ministro Mário Machado Lemos e contou com a participação de renomados sanitaristas e infectologistas, bem como de representantes de diversas instituições.

Nenhum comentário