Header Ads

Operação cumpre mandados contra traficantes de drogas em Fortaleza

 Operação cumpre mandados contra traficantes de drogas em Fortaleza

O Ministério Público do Estado do Ceará realizou na manhã desta terça-feira (29) a Operação Garateia, que cumpre 10 mandados de prisão e 10 mandados de busca e apreensão contra integrantes de uma organização criminosa envolvidos com tráfico de drogas e outros crimes na região do Bairro Serrinha e adjacências, em Fortaleza. Até 7h, cinco pessoas haviam sido presas.

Conforme o Gaeco, a investigação teve início com a apreensão de diversos celulares nas celas das Unidades Prisionais do Estado, em 2019, época em que ocorreram vários ataques contra prédios e repartições públicas, além de meios de transportes coletivos.

‘Insatisfação’ dos criminosos

Os crimes tiveram como motivação principal a “insatisfação dos líderes das facções criminosas que cumpriam pena nos presídios cearenses com o endurecimento das medidas de segurança” adotadas pela administração penitenciária.

Segundo o promotor Justiça Adriano Saraiva, membro de Gaeco, a partir das apreensões desses celulares, foi iniciada uma investigação que descobriu uma complexa organização criminosa atuante na região da Serrinha. “A partir do conteúdo desses celulares foi iniciada uma investigação, que descobriu uma organização criminosa complexa atuante na região da Serrinha e adjacências”, afirma Adriano.

A operação foi batizada de Garatéia, pois esse é um nome de um tipo de anzol com várias pontas, usado pra fisgar o maior número de peixes. O que faz alusão a “pesca” realizada pelos investigadores dos conteúdos dos celulares apreendidos, que levou a descobrir o grupo criminoso.

Os mandados foram determinados pela Vara de Delitos de Organizações Criminosas do Estado do Ceará e a ação é realizada por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), com apoio do Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública e da Coordenadoria Integrada de Planejamento Operacional, da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Fonte: G1 CE

Nenhum comentário