Header Ads

Chefe de facção suspeito de homicídios e ações contra torres de energia é preso no Ceará

 Chefe de facção suspeito de homicídios e ações contra torres de energia é preso no Ceará

O chefe de uma facção criminosa, identificado como Paolo Geraldo da Rocha Nunes de Araújo, de 23 anos, foi preso pela Polícia Civil do Ceará na sexta-feira (9). A ação foi divulgada apenas nesta segunda-feira (12), conforme a Secretaria da Segurança Pública, para não atrapalhar a investigação.

De acordo com a pasta, ele é suspeito de envolvimento em homicídios e por tentativas de explodir torres de energia no estado. O homem foi capturado no bairro Cajazeiras, na periferia de Fortaleza, após o cumprimento de um mandado de prisão. Paolo Geraldo já responde na justiça por tentativa de homicídio, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.

Conforme as investigações, o suspeito é apontado como um dos responsáveis por ataques a torres de energia em 2019. Na época, artefatos explosivos foram detonados contra três torres em Fortaleza e Maracanaú. Não houve feridos, e a estrutura dos equipamentos não foi comprometida.

Além disso, Paolo também é investigado por tentar executar um desafeto que estava preso dentro de uma delegacia no bairro Antônio Bezerra, em 2017. Segundo a Secretaria da Segurança, ele e outros suspeitos dispararam contra a unidade policial, mas ninguém ficou ferido.

Fonte: G1 CE

Nenhum comentário