Header Ads

Justiça autoriza município de Juazeiro do Norte a se abster de repassar valores à MXM

 

O Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região, através do juiz Fabricio Augusto Bezerra e Silva, autorizou o Município de Juazeiro do Norte a se abster de efetuar qualquer repasse de valores à MXM Serviços e Locações até que se tenha o quantitativo de trabalhadores demitidos e os valores rescisórios a serem pagos aos obreiros.

A ação foi movida pelo Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação contra a MXM, empresa responsável anteriormente pela coleta de lixo e limpeza urbana no município, com contrato encerrado na última quarta-feira (7).

Nesta quinta-feira (8), a gestão municipal assinou contrato com a nova responsável por tal função: Revert Pró-Ambiental.

Compartilhar
 
 
 

Nenhum comentário