Header Ads

Conselho dos Direitos da Mulher Cratense organiza manifesto pelos 3 anos da morte da professora Silvany

 


Nesta quinta-feira (19) completa três anos que a professora Silvany Inácio de Souza foi vítima de feminicídio praticado pelo ex-companheiro Elson Siebra de Deus, na Praça da Sé, em Crato. O Conselho Municipal dos Direitos da Mulher Cratense realizará um manifesto no local do crime às 16h para lembrar outros casos de feminicídio da região e pedir justiça pelos que ainda não foram julgados.

Em entrevista ao repórter Toni Sousa e o cinegrafista Guto Vital, a presidente do Conselho, Jaiane Barbosa Silva, informou detalhadamente como será o ato.

Nenhum comentário