Header Ads

73 adultos e adolescentes foram detidos por dia durante mês de janeiro no Ceará




 As forças de segurança do Ceará registraram 2.274 prisões e apreensões no primeiro mês de 2022. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), 73 pessoas foram presas por dia no Estado. Os números foram divulgados nesta quarta-feira, 9, pela pasta. Em 2021, o ano terminou com mais de 30 mil pessoas detidas por crimes e atos infracionais.

Os dados da Gerência de Estatística e Geoprocessamento (Geesp) da Superintendência de Pesquisa e Estratégia (Supesp) são baseados em flagrantes ou mandados de prisão, sendo 2.018 de capturas em flagrante e 256 mandados.

A SSPDS cita as abordagens do trabalho ostensivo da Polícia Militar do Ceará e também as investigações conduzidas pela Polícia Civil. As operações da Coordenadoria Integrada de Planejamento Operacional (Copol) da SSPDS são as principais ações por trás desse balanço.

A pasta destaca ainda importantes investimentos feitos pelo Estado, a exemplo da expansão do Sistema de Videomonitoramento (Nuvid) e as implantações de novas bases do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio).

O órgão também divulgou que o Ceará possui hoje 53 bases do comando especializado. “Em 52 desses municípios, os profissionais de segurança contam ainda com câmeras de videomonitoramento, que auxiliam tanto na prevenção e repressão de crimes, como também contribuem para as investigações conduzidas pela Polícia Judiciária”, diz a SSPDS em nota.

Fonte: O Povo

Compartilhar
 
 

Nenhum comentário