Header Ads

Acusado de matar um esta noite em Crato morre ao trocar tiros com a PM em Juazeiro


 Um jovem foi vítima de homicídio à bala em Crato e um dos acusados morreu em Juazeiro numa troca de tiros com policiais que tentaram prendê-lo em Juazeiro. Além disso, a polícia recolheu na casa deste último boa quantidade de drogas, arma e munições. Tudo começou por volta das 20 horas na Travessa Nova Olinda (Bairro Seminário) em Crato quando foi assassinado Agllesyo Rodrigues Silva, de 22 anos, que residia na Rua 03 da primeira etapa do Minha Casa Minha Vida em Crato.

Ele respondia procedimentos criminais por portes ilegais de armas de fogo, tráfico de drogas e lesão corporal. Um dos acusados de mata-lo foi o adolescente David Soares da Silva, de 17 anos, o qual, momento depois, saiu baleado numa troca de tiros com militares do RAIO que tentaram prendê-lo. É que a polícia soube que um dos acusados tinha vindo na direção de Juazeiro e equipe do RAIO saí em diligências à procura do mesmo.

Chegando na casa dele na Rua Engenheiro Apolonio Macedo da Costa (São José) em Juazeiro, o mesmo se negou a abrir a porta quando alguns PMs pularam o muro. O menor seguiu resistindo em se entregar e ainda efetuou disparos quando houve revide e David terminou atingido. Os PMs acionaram o SAMU e ele foi socorrido ao Hospital Regional do Cariri onde morreu por volta das três horas da madrugada desta segunda-feira.

Na casa de David os PMs apreenderam um revólver calibre 38 com três munições deflagradas e mais seis intactas, duas balanças de precisão e carregador de pistola calibre 380 com 14 munições. Além disso, 294 gramas de maconha, 17 de cocaína, cadernos com anotações, duas placas de empunhadura de pistola e dinheiro. Só este ano, David já tinha sido apreendido três vezes com armas de fogo em Crato e, numa delas, tentou se esconder debaixo de um veículo Celta no bairro Batateiras.


Nenhum comentário