Header Ads

Nas redes sociais, acadêmica de Medicina expõe paciente e ironiza: “A mulher morreu e eu não dormi”


 Uma estudante de Medicina de uma faculdade particular de Maceió utilizou seu perfil numa rede social para publicar sua “reclamação” após uma paciente chegar à unidade de saúde em que é interna, “atrapalhando” seu sono.

A acadêmica, que chegou a expor o nome da paciente e seu quadro de saúde, escreveu na publicação: “Faltando 10 minutos para minha hora de dormir chega uma mulher infartando e com edema agudo de pulmão e agora já passou 1:30 da minha hora de dormir”.

Em seguida, ela atualiza os seguidores do caso: “A mulher morreu e eu não dormi”.

O coordenador do curso de Medicina do Cesmac, André Falcão, informou à reportagem do CadaMinuto que a instituição já tomou conhecimento do caso e que as providências cabíveis estão sendo tomadas.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde de Marechal Deodoro disse que tomou conhecimento do caso através de informação prestada pelo médico-chefe da Unidade Mista, Dr. José Carlos de Gusmão, e, imediatamente, solicitou o desligamento da acadêmica do quadro de estagiários do município.

“A referida estagiária é oriunda de um convênio firmado entre a Prefeitura Municipal de Marechal Deodoro e a unidade de ensino Cesmac (Centro de Estudos Superiores de Maceió). A Secretaria lamenta o ocorrido e reafirma seu compromisso focado na humanização e respeito ao cidadão em todas as nossas unidades de saúde”, finalizou.

O Conselho Regional de Medicina de Alagoas informou que vai levantar mais informações, para que possa investigar o fato.

 

Fonte: cadaminuto.com

Compartilhar
 
 

Nenhum comentário