Header Ads

Representantes da causa animal se reúnem com delegado de Polícia Civil de Icó




 As representantes da Organização Não Governamental (ONG) É o Bicho, de Icó, estiveram reunidas com o delegado Regional de Polícia Civil do município, Glauber Ferreira, onde na ocasião, foram debatidos os casos de maus tratos contra os animais na cidade.

Estiveram presentes na reunião, a presidente da ONG, Marconiza Brasil, e as voluntárias Socorrinha Cunha, Idacildes, Nailú Viana e Carmem, que solicitaram o apoio da Polícia Civil para que os casos denunciados, que configurem maus tratos, sejam tratados com rigor pela Lei Federal 14.064/2020.

A ONG salientou, ainda, que a lei em discussão prevê a reclusão de 02 a 05 anos, multa e proibição da guarda do animal, e em caso de morte, a pena poderá ser aumentada em até ⅓ (um terço). Diante do apresentado, o delegado Glauber Ferreira, ressaltou à ONG total apoio por parte da Polícia Civil.

Na cidade, é comum presenciar cães e gatos com sinais visíveis de maus tratos. Recentemente, Marconiza Brasil, juntamente com as voluntárias da ONG, foram recebidas pelo comandante da 5ª Companhia Independente da Polícia Militar de Icó, o tenente-coronel Fábio Erick, que também ratificou apoio à causa animal.

Compartilhar
 
 

Nenhum comentário